Aquela brisa congelava meu rosto. 
Eu estava paralisada, prestando atenção somente em seu olhar, nada mais.
Seu olhar encontrou o meu. 
E foi aí que senti um calor, mas não um calor qualquer, um calor chamado paixão.
Vamos sair daqui, está muito frio. - Disse Dominique.
Não! - Dei um grito. - Não quero sair daqui, está tão bom ficar aqui. Se você quiser, pode ir.
Aaah, sei porque você quer ficar aqui se congelando. Viu o ...
Ei! Fala baixo! Ninguém precisa saber.
Bom, vou indo. Depois nos encontramos. - Disse Dominique saindo dali.
Acho que ela tem razão. Não vou ficar aqui me congelando só para vê-lo. Tenho coisas importantes para fazer, além disso, sou muito nova para me apaixonar por alguém. Pra falar a verdade, ainda não sei o que é o amor.

(Texto feito por mim, Monique Dieli Chiarentin)

2 comentários:

  1. Legal o textinho, amo esse nome Dominic.
    Tem selinho pra você lá no blog.
    Beijos
    http://neversaynever-believe.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Que fofo amore! eita ja faz tempinho que não passo aqui ta mt fofo... ah um dica quando for fazer um post ponha titulo amor, por assim os mecanismos de busca podem achar seu blog e mais pessoas visitam ^^ adorei tudo!!



    BEIJÃO AMORE! ianapaulinhaaaa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

© Inverno de 1996 | Layout por A Design